(21)2245-6085 - WhatsApp (21)96530-4354 - faleconosco@espacoartedecurar.com.br
Mostrando os lugares marcados com: shiatsu

Tristeza tem fim, felicidade não

tristeza

Gosto muito de ouvir música, principalmente MPB, ela é uma das energias que me move, mas, ao analisarmos algumas letras de nossas músicas, vemos que foi a Tristeza que inspirou o autor a compor àquela linda canção. Podemos ver que, apesar de um sentimento aparentemente ruim, pode ser bastante produtivo e criativo quando estamos passando por ele.

Na Medicina Oriental os sentimentos são sempre bem-vindos, desde que ele não seja uma constante em nossa vida. No caso da Tristeza o excesso dela pode nos trazer desequilíbrios relacionados ao Meridiano do Pulmão, ocasionando coriza, resfriados recorrentes tosse, asma, pele ressecada... por que pele ressecada? Bem, os Meridianos estão sempre ligados a outro fatores da natureza, afinal somos parte integrante do universo e, nesta concepção, existe um relacionamento entre o Pulmão, Pele, Pelo, Tristeza, Outono, sendo o seu Elemento o Metal... tendo como o sabor Picante como tonificante deste Elemento.

Para evitar ou nos recuperar dos desequilíbrios deste Meridiano devemos incluir em nossa alimentação pitadas de gengibre, alho poró, peixe, carne de aves, hortaliças na chapa quente, cenoura e beterraba cozidas, gersal além de praticar exercícios respiratórios - Thi Kung e Tai Chi Chuan, ser usuário de terapias energéticas – Tui na, Shiatsu, Acupuntura - e manter uma vida ao ar livre, buscando um contato com a natureza e com os amigos, assim afastaremos àquela tristeza e baixo astral para bem longe.

banner blog - moxa

Saiba mais

Quando ouvi falar a primeira vez sobre o Shiatsu Expresso

ABRAPP_2009 022 Quando ouvi falar a primeira vez sobre o Shiatsu Expresso questionei o fato de uma massagem com tão pouco tempo de aplicação ser eficaz. Sou Shiatsuterapeuta e trabalho com shiatsu há algum tempo. Até então, considerava esta técnica ideal, achando, inclusive, o tempo de duração da sessão como adequado (cerca de 45 minutos). Naquele momento, a melhor  definição para meus pensamentos era de ceticismo e incredulidade sobre a técnica que estava despontando no mercado. Não acreditava que o Shiatsu Expresso, aplicada em 15 minutos, pudesse relaxar e equilibrar energeticamente. Como eu estava enganado! Que bom, pois graças a esse senso crítico aguçado de minha personalidade, resolvi mergulhar nos estudos sobre o Shiatsu Expresso. Foi pesquisando e realizando cursos que descobri que o Shiatsu Expresso originou-se na Anma e do Shiatsu. A Anma é uma técnica milenar japonesa que, através da pressão, fricção, alongamento, compressão, massagem e estimulação promove a saúde das pessoas. O Shiatsu foi desenvolvido com base na Anma e trabalha sobre os Meridianos, desbloqueando ou estimulando a energia, fazendo com que ela siga o seu fluxo correto e, consequentemente, promova a autocura. O Shiatsu Expresso juntou a tradição dessas duas terapias com a modernidade do nosso dia a dia, buscando atingir os pontos mais tensionados e doloridos do corpo, ou seja, na região das costas, ombros, pescoço e braços. Ela começou a se popularizar em meados dos anos 80, com a sua introdução nos Estados Unidos, e daí para o resto do mundo. Sua proliferação vem acontecendo devido às inúmeras facilidades que o Shiatsu Expresso proporciona, já que temos um dia a dia corrido, e logo, não conseguimos dedicar um momento para relaxar e cuidar de nosso corpo. Tem como principal característica a inovação, uma vez que a massagem é realizada em uma confortável cadeira, especialmente criada para esse fim. Permitindo, inclusive, sua adequação em diversos locais, ampliando a abrangência desta técnica. A pessoa pode ser atendida, em 15 minutos, no próprio local de trabalho, na praia, em eventos ou em suas caminhadas, ou seja, de uma forma acessível. Mas, para que o objetivo seja atingido, é fundamental que se tenha uma sequência onde os principais pontos de tensão sejam trabalhados adequadamente, liberando o fluxo energético dos meridianos manipulados, promovendo assim o relaxamento e o equilíbrio energético. Continuo aperfeiçoando meus conhecimentos a cerca do Shiatsu Expresso mas, confesso, cheguei a uma brilhante conclusão: o Shiatsu Expresso colabora na melhoria da qualidade de vida do ser humano!

Saiba mais

Entrevista para Folha Online

shiatsu No ano 2000, quando eu era sócio de uma outra instituição, dei uma entrevista para o Caderno Equilíbrio da Folha Online, onde o foco era como as massagem podem auxiliar ao casal manter acesa a chama sexual. O Shiatsu, assim como a Acupuntura e a Moxa, são bastantes eficazes no tratamento da infertilidade, frigidez, impotência entre várias outras desarmonias. No tratamento verificamos qual Meridiano está desequilibrado para promover a sua harmonização. Muitas pessoas acreditam que a acupuntura e o Shiatsu são utilizados somente para a dor muscular, no entanto esta é apenas uma parte muito pequena dos tratamentos possíveis desta maravilhosas. Consulte o seu Shiatsuterapeuta e/ou Acupunturista e descubra o que as terapias orientais podem ajudar você de uma maneira única. Leia a matéria na integra clicando nos links abaixo: http://www1.folha.uol.com.br/folha/equilibrio/equi20000811_shi03.shtml http://www1.folha.uol.com.br/folha/equilibrio/equi20000811_shi02.shtml

Saiba mais

Veja as flores

flores amarelas

Por Aldemir Chaves*

A Medicina Oriental (Chinesa) foi concebida na observação do ser humano e a sua harmonia com as leis da natureza, muitas das frases ditas na nossa cultura popular demostra que também a observamos. Quando falamos que "ele está verde de raiva", "ele é um sujeito bilioso", "estou com vontade de comer o fígado de alguém", estamos nos referindo a uma situação que os chineses observaram, associaram a outras - Raiva, Fígado, Vesícula Biliar, Verde, Madeira, Primavera, Vento etc. - e sistematizaram em um método de cura. A Raiva é um sentimento tão bom quanto outro, apesar de ser bastante discriminado. Devemos senti-lo e passar por ele, sem mantê-lo presente em nossas vidas, pois, assim como a irritabilidade e as frustrações, a Raiva é a grande vilã quando permanece em nosso corpo, trazendo conseqüências maléficas para a nossa saúde. Os relatos são diversos - dor de cabeça, enxaquecas, dores migratórias, hipertensão, problemas nos tendões, problemas menstruais etc. - mas todos com a mesma origem: a Raiva, a irritabilidade. Para que estes sintomas não apareçam, devemos buscar a solução na natureza. A Primavera - a estação do elemento Madeira e do Fígado - é o símbolo de início, de renovação, do nascimento das flores, da vida, é a nossa juventude. Por isso devemos buscar alimentos que guardam este tipo de essência - broto de feijão ou bambu, frutas e hortaliças; aves e peixes frescos; temperos como hortelã e cebolinha - além de evitar alimentos gordurosos e álcool. Caso algum desses sintomas relatados seja uma constante no seu dia-a-dia, marque um encontro com o seu terapeuta de medicina oriental - Shiatsu, Acupuntura, Tui Na - que ele saberá a melhor maneira de trazer o ânimo e a saúde de volta, restabelecendo a sua Qualidade de Vida e na Vida.

Saiba mais