(21)2245-6085 - WhatsApp (21)96530-4354 - faleconosco@espacoartedecurar.com.br
Você está visualizando a categoria: Gestão

MEI ou Simples. O que é melhor para você?

PersonalTraining Muitos empreendedores da área de Qualidade de Vida, Saúde, Fitness e Estética têm dúvidas do seu enquadramento no momento de abrir um negócio na área. Neste Post vou procurar dirimir algumas dúvidas muito comuns aos profissionais dessas áreas. MEI - Microempreendedor Individual Foi a forma encontrada para legalizar os trabalhadores informais. O Empreendedor legalizado tem CNPJ, podendo ter conta bancária, solicitar empréstimos e emitir notas fiscais. O Empreendedor deve ter o faturamento anual de, no máximo, R$ 60.000,00 (média de R$5.000,00 por mês) e não pode ter participação em outra empresa como sócio ou titular. A vantagem, além da legalização, é enquadrado no Simples Nacional e ficando isento dos tributos federais (Imposto de Renda, PIS, Cofins, IPI e CSLL). O empreendedor terá acesso a benefícios como auxílio maternidade, auxílio doença, aposentadoria etc. Você pode ter um empregado contratado que receba o salário mínimo ou o piso da categoria. As categorias da área de Qualidade de Vida, Saúde, Fitness e Estética enquadradas no MEI são:  - Cabeleireiro(a)  - Depilador(a)  - Esteticista  - Manicure/Pedicure  - Maquiador(a)  - Personal Trainer O MEI destas áreas de atuação paga somente uma contribuição mensal de 5% do salário mínimo e R$5,00 de ISS (Imposto Sobre Serviço). Para o ano de 2016 o valor da contribuição é de R$49,00. Simples Nacional Esta categoria de regime tributário é mais indicada para empresas de pequeno porte. A grande vantagem é que reúne todos os tributos em uma guia de pagamento só. Não dá cobertura aos benefícios como auxílio maternidade, auxílio doença, aposentadoria do proprietário, este deve pagar a sua previdência separadamente. O percentual do imposto varia de acordo com a atividade e o faturamento, desde 2014 a atividade de fisioterapia está enquadrada no Simples Nacional. O percentual de imposto inicia em 6%, para faturamento de até R$ 15.000,00 mensais, indo até 17,42%, para faturamento acima de R$285.000,00 mensais. O faturamento anual é de, no máximo, R$ 3.600.000,00 (média de R$300.000,00 por mês) e não pode ter participação em outra empresa como sócio ou titular com mais de 10% de participação. Não existe restrição de número de empregados e não haverá recolhimento do INSS, por parte da empresa, sobre a folha de pagamento. Espero ter ajudado, caso tenha alguma dúvida, pergunte que reponderei o mais breve possível. banner blog - empreenda em QV  

Saiba mais

Empreendedorismo em Qualidade de Vida

1a_pagina_site_EAC_Serviços de Qualidade de Vida-Como conquistar clientes da pré-venda ao pós-venda Para ter sucesso como empreendedor de Qualidade de Vida é necessário aliar as competências técnicas com as competências comportamentais. Estes são os pilares norteadores para a conquista de clientes duradouros. Quer saber mais como conquistar mais clientes? Baixe o meu e-book de Serviços de Qualidade de Vida: Como conquistar clientes da pré-venda ao pós-venda, e aprenda várias técnicas para ampliar o seu potencial de vendas. Clique no botão abaixo e efetue agora o seu download! Abraços e até breve, Verônica Maranhão  

quero meu e-book

banner blog - empreenda em QV

Saiba mais

Novo piso salarial para Terapeutas Holísticos, Podólogos e Doulas

terapeuta R$ 1.168,70 - Piso salarial para Terapeutas Holísticos; Podólogos; Atendentes de Consultório, Clínica Médica e Serviço Hospitalar; Doulas, Auxiliares de Enfermagem. É o que determina o projeto de lei 1.459/16, do Executivo, que a Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) aprovou dia 06/04/2016. O projeto será enviado ao governador em exercício, Francisco Dornelles, que terá 15 dias úteis para decidir pela sanção ou veto. Os novos valores passam a valer a partir da publicação da lei, e o pagamento deverá ser retroativo ao dia 1º de janeiro deste ano. Veja a lista completa das categorias profissionais contempladas nesta faixa: Administradores; capatazes de explorações agropecuárias, florestais; trabalhadores de usinagem de metais; encanadores; soldadores; chapeadores; caldeireiros; montadores de estruturas metálicas; trabalhadores de artes gráficas; condutores de veículos de transportes; trabalhadores de confecção de instrumentos musicais, produtos de vime e similares; trabalhadores de derivados de minerais não metálicos; trabalhadores de movimentação e manipulação de mercadorias e materiais; operadores de máquinas da construção civil e mineração; telegrafistas; barman; porteiros, porteiros noturnos e zeladores de edifícios e condomínios; trabalhadores em podologia; atendentes de consultório, clínica médica e serviço hospitalar; técnicos em reabilitação de dependentes químicos, trabalhadores de serviços de contabilidade e caixas; operadores de máquinas de processamento automático de dados; secretários; datilógrafos e estenógrafos; chefes de serviços de transportes e comunicações; telefonistas e operadores de telefone e de telemarketing; teleatendentes; teleoperadores nível 1 a 10; operadores de call center; atendentes de cadastro; representantes de serviços empresariais; agentes de marketing; agentes de cobrança; agentes de venda; atendentes de call center; auxiliares técnicos de telecom nível 1 a 3; operadores de suporte CNS; representantes de serviços 103; atendentes de retenção; operadores de atendimento nível 1 a 3; representantes de serviços; assistentes de serviços nível 1 a 3; telemarketing ativos e receptivos; trabalhadores da rede de energia e telecomunicações; supervisores de compras e de vendas; compradores; agentes técnicos de venda e representantes comerciais; mordomos e governantas; trabalhadores de serventia e comissários (nos serviços de transporte de passageiros); agentes de mestria; mestre; contramestres; supervisor de produção e manutenção industrial; trabalhadores metalúrgicos e siderúrgicos; operadores de instalações de processamento químico; trabalhadores de tratamentos de fumo e de fabricação de charutos e cigarros; operadores de estação de rádio, televisão e de equipamentos de sonorização e de projeção cinematográfica; operadores de máquinas fixas e de equipamentos similares; sommeliers e maitres de hotel; músicos, ajustadores mecânicos; montadores e mecânicos de máquinas, veículos e instrumentos de precisão; eletricistas; eletrônicos; joalheiros e ourives; marceneiros e operadores de máquinas de lavrar madeira; supervisores de produção e manutenção industrial; frentistas e lubrificadores; bombeiros civis nível básico, combatente direto ou não do fogo; técnicos de administração; técnicos de elevadores; técnicos estatísticos; terapeutas holísticos; doulas, técnicos de imobilização ortopédica; agentes de transporte e trânsito; guardiões de piscina; guias de turismo, práticos de farmácia; auxiliares de enfermagem, auxiliares ou assistentes de biblioteca e empregados em empresas prestadoras de serviços de brigada de incêndio (nível básico); Fonte: Site da ALERJ banner blog -gestão de consultório

Saiba mais

Novo piso salarial para Fisioterapeutas, Profissionais de Educação Física e Fonoaudiólogos.

fisioterapia R$ 2.684,99 é o novo piso salarial para Fisioterapeutas, Profissionais de Educação Física e Fonoaudiólogos para o ano de 2016 É o que determina o projeto de lei 1.459/16, do Executivo, que a Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) aprovou dia 06/04/2016. O projeto será enviado ao governador em exercício, Francisco Dornelles, que terá 15 dias úteis para decidir pela sanção ou veto. Os novos valores passam a valer a partir da publicação da lei, e o pagamento deverá ser retroativo ao dia 1º de janeiro deste ano. Além dos profissionais acima estão contemplados neste piso as seguintes categorias profissionais: Administradores de Empresas; arquivistas de nível superior; advogados; contadores; psicólogos; terapeutas ocupacionais; arquitetos; estatísticos; assistentes sociais; biólogos; nutricionistas; biomédicos; bibliotecários de nível superior; farmacêuticos; enfermeiros; bombeiro civil mestre, formado em engenharia com especialização em prevenção e combate a incêndio, turismólogo, secretários executivos e empregados em empresas prestadoras de serviços de brigada de incêndio (nível superior). Fonte: Site da ALERJ banner blog -gestão de consultório

Saiba mais