(21)2245-6085 - WhatsApp (21)96530-4354 - faleconosco@espacoartedecurar.com.br

Fui brincar de dança das cadeiras e meu joelho não para de doer

Dor no joelho

Era abril de 2004, uma mulher com voz idosa liga para marcar consulta por indicação de uma amiga. Sr. Aldemir minha amiga indicou o senhor para tratar o meu joelho, ele não para de doer. Eu moro longe, será que eu vou ficar boa? Será muito sacrifício! Falei que eu não trato do joelho dela e sim dela como uma pessoa, como um todo, mas teria que fazer uma avaliação para emitir um parecer adequado. Marcamos a consulta para o dia seguinte.

Ela tinha 65 anos na época, sentia muitas dores na lateral interna do joelho direito há cerca de 5 meses. Ela estava brincando com as amigas de dança das cadeiras. Com isso ela não estava conseguindo firmar a perna. Segundo ela o ortopedista tinha diagnosticado Tendinite.

As dores eram diárias, sem hora, tinha dias que eram mais vezes que outros. As dores eram acompanhadas de uma “fisgada”. Durante este período a paciente havia feito tratamento através de Fisioterapia e remédios.

banner blog - moxa

Durante a anamnese relatou que não efetuou cirurgias ou ficou internada, mas informou que fez 3 abortos (opcionais), teve 4 filhos, sendo que 2 morreram após o parto. Não bebia e nem fumava. No momento não estava tomava nenhum remédio.

Ao levantar pela manhã, parecia que não havia dormido, doía tudo. Estas dores passavam após 15 minutos. Gostava mais do calor, pois a friagem fazia com que o joelho doesse mais. A preocupação era uma constante e durante o sono parecia que estava trabalhando.

Bem, iniciei o tratamento, como sempre, logo na primeira consulta e elegi os pontos “olhos do joelho” (lado direito), Heding (lado direito), BP9, BP10, BP6, E36 e R3. Apliquei Moxa nos pontos “olhos do joelho”, Heding, BP9, BP10, BP6, E36.

Na sessão seguinte a paciente informou que nos primeiros dias ficou bem, mas depois as dores voltaram. Parece que a dor está “dentro do osso”. Repeti o tratamento da sessão anterior e acrescentei os pontos F3 e B60.

A paciente está andando melhor, segundo o seu relato na terceira sessão, no dia da sessão estava doendo a parte posterior do joelho. Repeti o tratamento da sessão anterior e acrescentei os pontos B20, B23 e CS6.

A dor no joelho estava 90% melhor na quarta sessão, mantive o mesmo tratamento realizado na última sessão. Na quinta sessão a paciente estava sem nenhuma queixa, sem dor, andando bem, ou seja, momento de ter alta do tratamento. 

Realmente a Acupuntura e a Moxa são bastante eficazes no tratamento das dores das articulações, gosto muito dessa combinação, assim como, do tratamento com uma delas individualmente. 

Até o nosso próximo encontro, é sempre muito bom relatar aqui a lembrança desses momentos em que fui o intermediário para uma melhor qualidade de vida para os meus pacientes.

Tags: , , , , , , ,
 

Deixe o seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

WordPress spam blocked by CleanTalk.